quarta-feira, 27 de junho de 2012

Ciências: Sistema Nervoso

Objetivo B2: Compreender a relação entre o Sistema Nervoso e os demais sistemas fisiológicos, identificando suas funções para entender o papel das correntes elétricas em nosso organismo

A célula nervosa
Representação de um neurônio
Clique na imagem para ampliar

O Sistema Nervoso


CÓRTEX CEREBRAL: é formado por bilhões de neurônios
NEURÔNIOS: enviam impulsos para diferentes órgãos; recebe estímulos, os quais são transformados em sensações; as sinapses ocorrem de um neurônio para o outro (de um axônio de um neurônio, para o dendrito de outro neurônio).
CÉREBRO: armazena informações/inteligência; controla as atividades voluntárias e conscientes do nosso corpo.
HIPOTÁLAMO: situado na base do cérebro; possui os centros nervosos, que controlam: pressão arterial, sudorese, sede, raiva, fome, prazer, temperatura do corpo.
CEREBELO: localiza-se abaixo do cérebro. Ele mantém o equilíbrio do corpo; coordena os movimentos; permite a orientação espacial
BULBO: é também conhecido como medula oblonga. Ele controla as atividades automáticas e involuntárias, como os batimentos cardíacos, a respiração, a deglutição, etc. É também uma via de acesso para impulsos que chegam ou saem do cérebro.
MEDULA ESPINAL:  é a continuação do bulbo; é uma estrutura tubular e alongada, protegida pela coluna vertebral. Dela partirão pares de nervos, denominados sensitivos e motores. Os sensitivos levam os impulsos para a medula, enquanto os motores trazem os impulsos, como pode ser visto no esquema ao lado.

Doenças

Abaixo confira algumas doenças que afetam o Sistema Nervoso

EPILEPSIA
Na verdade é considerado um sintoma, não uma doença. A crise epiléptica é uma manifestação clínica causada por uma descarga transitória, excessiva e anormal das células nervosas. O sintoma normalmente aparece até os 18 anos.

AVC
É uma abreviação para Acidente Vascular Cerebral. É um derrame. Haverá o rompimento de um vaso que levava sangue ao cérebro. O uso de medicamentos, colesterol alto e obesidade, por exemplo, são fatores que podem ocasioná-lo. Quando acontece um AVC do lado direito do cérebro, os problemas acontecerão no lado esquerdo do cérebro. Quando é do lado esquerdo do cérebro, os problemas acontecerão no lado direito. O tratamento acontece, normalmente, através de terapias. A doença pode ser desenvolvida em qualquer idade.

PARKINSON
É uma doença neuro-degenerativa (uma doença em que acontece a morte dos neurônios). Haverá alterações nos neurônios, sendo que o indivíduo passa a realizar movimentos mais lentos. Os sintomas mais comuns são: tremores, rigidez, dificuldade nos movimentos, etc. O tratamento é a ingestão de dopamina (afinal, a dificuldade nos movimentos são causas pela redução da mesma; a dopamina é produzida pela bainha de mielina), mas não possui cura.
É uma doença incurável e neuro-degenerativa, provocando: declínio das funções intelectuais, perda recente de memória, etc. Afetará a capacidade de aprendizado do indivíduo, além da atenção, orientação, compreensão e linguagem. Ao possuir a doença, ele em consequência passa a ficar mais dependente da ajuda dos outros.

MENINGITE
É a inflamação das meninges (membranas que cobrem o encéfalo e a medula espinal). Ela pode ser
viral ou bacteriana. Os principais sintomas são: vômitos, dores de cabeça, pescoço rijo, etc.

Lembre-se: este resumo é apenas um material suplementar de estudos, mas não pode ser substituído pela leitura de livro, caderno e outras fontes.


Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...